Slide Home

10 jan
2017

FESTA DO BLOCO DAS DONZELAS 2017

Eram passados do meio dia deste último domingo, dia 8 de Janeiro, quando já estava praticamente toda estrutura pronta para o primeiro grande evento de 2017 na comunidade do bairro Restinga, extremo-sul de Porto Alegre. Os primeiros a chegarem, já iam encostando um pedaço de carne na churrasqueira, que assim como o evento, era comunitária. Era só chegar com seu “quilinho” que era muito bem-vindo. E a cerveja? Bem, essa não podia faltar, estupidamente gelada, principalmente numa temperatura de mais de 30 graus que estava fazendo.
E não demorou muito para que os primeiros participantes a caráter da festa começassem a chegar e mesmo os desavisados de plantão que passavam pelo local já sabiam do que se tratava: ERA O DOMINGO DAS DONZELAS!

O Bloco das Donzelas, um dos mais tradicionais e animados da zona sul da capital, tem como característica os homens que se vestem de mulher e desfilam pelo meio do público presente. E aqui, não tem espaço para preconceito. A caracterização é adotada tanto por jovens e adultos, como também por senhores de mais idade e crianças, que ousam nos modelitos, maquiagens e acessórios. O lema é se divertir na maior paz e harmonia.

Para começar, a festa contou com uma boa e tradicional Roda de Samba, composta por músicos da comunidade e também de fora, já consagrados e com trajetória na música. Logo após começaram os desfiles, que contou com a participação do Bloco Batuqueiros de Olorum, seguido pelo Bloco da Trinca, outro famoso bloco da capital gaúcha, conhecido e muito respeitado por levar sempre um grande público nas apresentações que faz.
E para encerrar a grande festa, o tão esperado Bloco das Donzelas, que fez uma grande apresentação e empolgou as quase 10 mil pessoas que estavam na Av. Macedônia, que foi fechada exclusivamente para receber o evento.

A festa contou com a participação da bateria da Estado Maior da Restinga, que deu apoio nos instrumentos e no acompanhamento dos blocos e também com a participação de vários músicos, que fizeram parte da harmonia, cantando diversos sambas e até marchinhas conhecidas do povo, que não ficou parado sequer um minuto.

Queremos parabenizar a toda nossa comunidade pela grande festa. Parabéns aos moradores e também as pessoas que vieram de fora e deram um show de exemplo de comportamento, alegria, paz e união. Não tivemos nenhuma ocorrência registrada e isso mostra que apesar de todos os problemas que assistimos diariamente na TV e lemos nos jornais, se tratando da calamidade que vivemos em nossa segurança pública, aqui na Restinga a nossa gente é capaz de fazer um belíssimo e grandioso espetáculo, com grande público, sem nenhuma violência.

Queremos também parabenizar aos organizadores do evento, que mesmo com pouquíssimo recurso e apoio, conseguiu botar literalmente o bloco na rua e desfilar. Não é fácil organizar e produzir um evento deste porte, principalmente sem recurso financeiro, seja público ou privado. Em épocas de crise, onde aqui na capital, por exemplo. o prefeito já anunciou que não haverá verba pública para o Carnaval, a organização do Bloco das Donzelas mostrou que é possível produzir um evento cultural sem subsídio público. Porém, é preciso que a iniciativa privada, principalmente comerciantes e empresários locais, tenham a consciência da importância de valorizar e apoiar iniciativas como estas, que só fazem o bem para nossa comunidade. Também é preciso do apoio da própria comunidade, para valorizar e até mesmo colaborar para que no caso das Donzelas, o bloco se solidifique cada vez mais. E a contribuição não precisa ser financeira necessariamente. Existe espaço para que as pessoas possam chegar e contribuir, seja ajudando em algo na produção ou trazendo apoios e investimentos de fora.

Neste ano, houveram alguns problemas técnicos, como a falta de banheiros químicos, que conforme um dos organizadores ocorreu por uma falha no prestador de serviços que foi contratado. Uma outra queixa que ouvimos de alguns foliões, foi o fato do carro som não ter feito o percurso junto com os blocos, como tradicionalmente é feito. Neste ano, devido a problemas financeiros e não ter sido possível a contratação de um caminhão som apropriado e também pelo fato da Prefeitura não ter apoiado com o carro som que ela tem através da Descentralização da Cultura, o caminhão contratado teve que ficar fixo num ponto. Porém, estes detalhes não tiraram o brilho da festa e a grande maioria dos presentes elogiou muito o evento, que promete acontecer novamente neste ano, no mês de Março.

Queremos aqui ressaltar também o trabalho dos policiais do 21º BPM, que se fizeram presentes o tempo todo no evento, garantindo a segurança de todos no local.

Para finalizar, convidamos todos a conferirem a galeria de fotos registrada durante o evento, em mais uma parceria da TV Restinga com o Bloco das Donzelas. Estivemos presentes desde o início do espetáculo, onde registramos e íamos compartilhando com todos nossos seguidores, em tempo real, como estava a festa. Algumas transmissões ao vivo foram feita através da nossa fanpage e em breve, o vídeo com a cobertura completa.

VIDA LONGA ÀS DONZELAS!
TINGA TEU POVO TE AMA!

Texto e Fotos: Márcio Figueira

Os comentários estão fechados.