Segurança

02 dez
2015

NOITE DE TERROR – 5 ÔNIBUS E 1 LOTAÇÃO SÃO INCENDIADOS EM PORTO ALEGRE

Tudo começou com uma operação realizada pela Brigada Militar no final de tarde desta terça-feira, dia 1º de Dezembro no Morro da Embratel, bairro Glória, na zona sul de Porto Alegre.
Após confronto com bandidos, PM´s balearam um suspeito, que portava um revólver calibre 38. Apesar de ter sido levado pelos brigadianos até o Hospital Divina Providência, Luciano Gustavo da Rosa não resistiu aos ferimentos e faleceu.
Em represália, por volta das 20hs, alguns homens foram até um posto de combustíveis na Av. Oscar Pereira e encheram galões com gasolina. Logo em seguida, subiram a avenida e atearam fogo em um ônibus (linha 289 Rincão / Oscar Pereira) e uma lotação (linha Glória). Apesar de toda correria, apenas o motorista do ônibus acabou inalando um pouco de fumaça. Ele foi atendido e logo em seguida liberado. O coletivo estava com 70 passageiros.

Duas horas depois deste ocorrido, as 22hs, um outro ônibus foi incendiado. Desta vez, o fato aconteceu na nossa comunidade da Restinga, no extremo-sul da capital. Homens em 2 motos pararam um veículo articulado (minhocão) que fazia a linha 3141 (Restinga PUC), na Av. João Antônio da Silveira, próximo ao Hospital Restinga e Extremo-Sul, na 5ª unidade e atearam fogo. Os bombeiros chegaram ao local e apagaram o fogo, que acabou consumindo todo o ônibus. Ninguém se feriu.

Quinze minutos depois, 22h15, um outro ônibus foi atacado, na Av. Eduardo Prado, zona sul. E bem perto dali, as 22h30, no final da linha 262 (Jardim Vila Nova), outros 2 ônibus eram também atacados e incendiados.

A suspeita é de que os mesmos bandidos que atearam fogo no ônibus da Restinga, tenham sido os mesmos a incendiarem os outros 3 coletivos, visto que os mesmos ficavam na rota de fuga deles.

Com isso, por ordem da EPTC (Empresa Pública de Transporte e Circulação) todos os serviços de ônibus e lotações na zona sul de Porto Alegre foram suspensos, o que dificultou o retorno de milhares de moradores para suas casas.

Em reunião realizada na madrugada desta quarta, 02, entre o Comando de Policiamento da Capital, EPTC e Sindicato dos Rodoviários, ficou decidido que o serviço de transporte coletivo na zona sul irá voltar a operar as 7 horas desta manhã, mas com restrições. A Brigada Militar irá fazer uma ação especial, para garantir a segurança tanto dos funcionários quanto dos passageiros. Caso esta segurança não ocorra, os ônibus não sairão das garagens das 5 empresas, disse o representante do Sindicato dos  Rodoviários. Para isso, os ônibus não irão circular dentro dos bairros e sim nos eixos (avenidas) principais. A não ser no caso da Restinga, visto que a garagem fica próxima dos terminais. Mesmo assim, aqui na comunidade também haverá efetivo especial da BM.

Texto: Márcio Figueira

 Veja alguns vídeos enviados por leitores, mostrando o momento destes incêndios:

Fogo no ônibus da Restinga

Fogo na Lotação na Av. Oscar Pereira

Ônibus incendiados no final da linha Jardim Vila Nova

Algumas fotos

Comente esta matéria

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.